Estudo os medicamentos a fim de analisar o seu impacto no organismo.

O farmacólogo é o profissional que se dedica a investigar de que forma interagem os fármacos com os sistemas biológicos graças ao estudo in vitro (em células e tecidos) ou in vivo (nos seres vivos). Desta maneira prevê-se o efeito que o fármaco possa ter nos seres humanos no momento do consumo. O seu objetivo é conhecer a forma como os fármacos atuam e como podem ser usados nos humanos de forma eficaz e segura.

O trabalho do farmacólogo está ligado estreitamente à investigação, na medida em que só desta forma é possível descobrir e desenvolver fármacos e determinar qualquer reação adversa.

Para desenvolver estas investigações, estes profissionais têm que ter amplos conhecimentos de biologia e química, já que só dessa forma podem trabalhar em segurança. Para além disso, necessitam conhecer a fundo os vírus e bactérias para poder ter claros os efeitos que devem mitigados nos fármacos.

O trabalho dos farmacólogos é fundamental para que possamos ter medicamentos em distribuição que nos ajudem a prevenir e curar todo o tipo de doenças.

3.412R$
Sem experiência
Fonte:
3.648R$  - 3.884R$
De 1 a 2 anos de experiência
Fonte:
4.120R$  - 4.591R$
De 3 a 5 anos de experiência
Fonte:
4.772R$  - 7.142R$
Mais de 5 anos de experiência
Fonte:

Gostaria de saber quanto ganha um Farmacologista noutro país?

Selecione um país

Funções e habilidades

Principais funções

Investigação de doenças
Desenvolvimento de fórmulas para a criação de fármacos
Teste de fármacos in vitro
Teste de fármacos in vivo
Teste para o estudo da absorção e eliminação do fármaco do corpo

Principais habilidades

Conhecimentos de biologia 

Conhecimentos de química

Capacidade de organização

Capacidade para trabalhar em equipa
Decidido

Trajetória profissional

Farmacologista / estudante de doutorado

  • Escrever a tese doutoral
  • Dar aulas
  • Elaborar, aplicar e corrigir exames
  • Pesquisar
  • Publicar artigos

Farmacologista / doutor

  • Dar aulas
  • Elaborar, aplicar e corrigir exames
  • Pesquisar
  • Publicar artigos

Farmacologista / empresa privada

  • Trabalhar para uma empresa privada
  • Pesquisar
  • Testar e analisar novos fármacos
  • Realizar trabalhos de marketing, concepção e promoção de medicamentos

Necessidades de formação

Fonte: Alunax86

Mundo profissional

O profissional especializado em farmacologia insere-se no setor da saúde e poderá trabalhar para organizações públicas ou privadas.

O farmacologista poderá trabalhar realizando tarefas próprias de sua profissão, como orientador de estudos, docente ou realizando tarefas de concepção, promoção e difusão de medicamentos. Trabalhará na indústria química ou farmacêutica, em agências reguladoras, organismos nacionais e internacionais, institutos de controle de qualidade, comités de ética.

Condições de trabalho

  • Normalmente, devem viajar ou mudar-se
  • Não há um horário fixo de trabalho
  • Podem trabalhar em escritórios
  • Podem trabalhar em organizações públicas ou privadas
  • Podem trabalhar durante feriado, noite ou fim de semana ou fazer plantão
  • Trabalham em ambiente com bastante ruído ou devem usar equipamentos e roupas especiais
  • Trabalham em centros de pesquisa ou laboratórios
  • Trabalham para qualquer tipo de empresa
  • É um trabalho estressante

Personalidades

Ibn Sina

Ibn Sina, também conhecido como Avicena, foi um médico, cientíista e filósofo persa. Além de escrever trezentos livros e de ser um dos médicos mais importantes da história, é lembrado por ser o pai da farmacologia. Foi ele quem estabeleceu a separação entre medicina e farmácia e estudou as diversas formas de administração dos medicamentos. Sua obra-prima, o Cânon de Medicina, explica, em cinco volumes, todo o saber médico e farmacológico conhecido até a época.

Paul Ehrlich

Paul Ehrlich foi um bacteriologista e médico alemão, ganhador do prémio Nobel de Medicina em 1908. Entre as suas conquistas, estão os estudos no campo da hematologia, o desenvolvimento da teoria da cadeia lateral e anticorpos, a pesquisa das vias nervosas pela utilização de azul de metileno, a "bala mágica" e suas contribuições à quimioterapia.

Robert Furchgott

Os norte-americanos Robert Furchgott, Ferid Murad e Louis Ignarro ganharam o prémio Nobel de Medicina em 1998 peloseu trabalho no campo da farmacologia. Estudando os efeitos do óxido nítrico, com suas pesquisas, chegaram à conclusão de que este pode baixar a pressão sanguínea.

Profissões similares

Farmacêutico

Preparo fórmulas magistrales, administro los medicamentos con receta y aconsejo a los pacientes.

Médico

Diagnostico y trato a las personas con problemas de salud y colaboro con su recuperación, a través de las recetas de medicamentos y los tratamientos adecuados a su condición.

Químico

A través de conocimientos científicos y tecnológicos, diseño, analizo y creo distintos productos químicos.

Avaliações (Resumo)

Ainda não existem avaliações. Seja o primeiro.


Tem alguma dúvida?

Pergunte aqui a outros utilizadores que tenham informações sobre esta profissão

Aviso de cookies: Usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar nossos serviços, para análises estatísticas e para mostrar publicidade. Ao continuar a navegar, consideramos que você aceita o uso de cookies nos termos estabelecidos na Política de cookies.